“Casos de Família” tem bons índices com edição polêmica

Foto:Reprodução

Foto: Reprodução

Com o tema “não acredito que você goste de um cara tão agressivo”, o ‘Casos de família’ desta quarta-feira, 12, mostrou a discussão de Christina Rocha com um convidado bastante exaltado.

O homem, identificado como Wendel, participaria do programa no SBT para falar sobre sua relação com a esposa e a sogra — ele é acusado de agressão por ambas. Antes de chegar ao palco, já havia sido descrito pelas mulheres como uma pessoa violenta, que teria matado o gato da família.

Ao ser chamado para entrar em cena, Wendel chegou recriminando a companheira. “Você devia ter vergonha na sua cara de fazer eu vim aqui passar esse papelão”, disse a ela. Christina pediu que o homem se acalmasse e sentasse para que pudessem conversar, mas o convidado recusou. “Aqui tem que ter calma, se não tem calma pode ir embora. Aqui você não está na sua casa”, avisou a apresentadora.

Poucos minutos após o homem entrar no palco, Christina o expulsou. O mais surpreendente, porém, foi que a esposa deste homem ainda o defendeu, argumentando que o amava. Essa pessoa ainda discutiu feio com Christina Rocha, a insultou, e disse: “Eu mato o seu cachorro também!”.

“Amigos telespectadores e imprensa, vocês sabem que eu sou muito pra cima aqui, brinco, mas hoje não deu. Esse cidadão é um desequilibrado. E a sua mulher é uma lição de como não ser uma mulher na vida”, disse Christina.

Com a polêmica, o programa registrou ótima audiência e ficou na segunda colocação isolada. No total, foram 7.5 pontos de média com 9 de pico e 20% de participação, de acordo com dados preliminares. A Globo liderou com 9.6 e a Record amargou o terceiro lugar com 6.4. Cada ponto equivale a 65 mil habitantes na Grande São Paulo.