Carnavália-Sambacon espera gerar R$10 milhões em negócios

A feira Carnavália e o 1º Encontro Nacional do Samba (Sambacon), primeiro evento do segmento no Brasil irá discutir temas como geração de emprego e renda, além de reunir indústrias de insumos para fantasias, alegorias, serviços das áreas de turismo, transporte, hotelaria e outros.
Não há dúvidas que o Carnaval é uma grande oportunidade de negócios em vários segmentos. Prova disso é que só o estado do Rio de Janeiro movimenta R$ 1 bilhão em média com a folia todo ano. Pensando nisso, a Cidade Maravilhosa recebe no próximo mês a feira Carnavália e o 1º Encontro Nacional do Samba (Sambacon), que reunirá carnavalescos, artesãos, produtores, jornalistas, profissionais dos bastidores e representantes de órgãos públicos envolvidos na organização e viabilização do calendário momesmo.
O Carnavália-Sambacon, que acontece nos dias 31 de julho, 1 e 2 de agosto, no Centro de Convenções SulAmérica, terá seis mesas redondas para debater temas como ´Impactos do Carnaval na economia e no turismo: a cadeia produtiva do Carnaval’, ‘Políticas públicas: incentivos para o Carnaval’, ‘Patrocínio, potencial de divulgação, comercialização e marketing’, ‘Modelos de gestão dos carnavais do Brasil’, ‘Carnaval – projetos de cidadania’ e ‘Mão de obra: formalização x informalidade’.
Os organizadores do evento apresentarão um estudo realizado pelo Ministério do Turismo, em 2013, que aponta que o Brasil recebeu 6,2 milhões de turistas e movimentou R$ 5,7 bilhões em todo o país, gerando cerca de US$ 1,3 bilhão em exportações. Segundo levantamento do ministério, o Carnaval representa 5% do faturamento da cadeia produtiva do setor, que responde por 3,7% do Produto Interno Bruto (PIB) e gera 2,9 milhões de empregos diretos.
“A Carnavália-Sambacon será a primeira feira exclusiva para o tema. A ideia, além de geração de negócios durante o evento, com previsão de R$ 10 milhões nesta primeira edição, é apresentar a necessidade de criação de uma política pública específica para o Carnaval. Este é um evento que acontece todos os anos, mexe com a vida de profissionais e empresas de todos os portes, inclusive pequenas e médias”, diz Moacyr Barreto, sócio da AMI7, empresa carioca responsável pela realização do evento, junto com a Timbre Comunicação.
Entre os expositores da primeira edição do evento estão a Proecologic Reciclagem e Logística S/A , Magma, Plumas e Penas, FullColors, Carvalhão, Palácio dos Cristais, Babado da Folia, entre outros importantes players da cadeia produtiva do Carnaval em São Paulo e no Rio de Janeiro. A Carnavália-Sambacon conta com apoio da RioTur, do Sebrae-RJ, e das principais entidades associativas que organizam o carnaval de rua e das escolas de samba, a saber, Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) – administra os grupos especiais, Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Lierj) – administra os grupos de acesso, e a Associação Independente dos Blocos de Carnaval de Rua da Zona Sul, Santa Teresa e Centro da Cidade do Rio de Janeiro (Sebastiana).