Após críticas de Taylor Swift, Apple volta atrás de decisão polêmica, entenda

Uma grande polêmica envolvendo a Apple e alguns artistas chegou ao fim nos últimos dias, isso porquê a fabricante americana tinha tomado a decisão de que não pretendia pagar os artistas durante os três meses gratuitos para novos clientes do Apple music (serviço de streaming de músicas).

Acontece que essa decisão não agrador a cantora Taylor Swift disse ter achado decepcionante a decisão da Apple, pois isso era muito tempo de trabalho gratuito e, apesar dela poder se bancar, não poderia dizer o mesmo de pequenos cantores e bandas.“Nós não pedimos iPhone de graça a vocês. Por favor, não nos peçam música sem nenhuma compensação“, chegou a cutucar.

Na segunda-feira (22), Eddy Cue, o vice-presidente de serviços da internet da Apple, usou o Twitter para comunicar que eles decidiram pagar os artistas, mesmo no período de testes dos consumidores.”#AppleMusic vai pagar pelos streaming, até durante o período gratuito de testes. Nós a ouvimos e aos artistas independentes”, escreveu o executivo da empresa.O próprio VP admitiu que a decisão foi tomada pelo impacto do texto da cantora: “Quando acordei hoje e li o que Taylor escreveu, eu realmente percebi que precisávamos mudar isso. É por ela que decidimos pagar os artistas no período gratuito”.

(Foto: Reprodução/Internet)

(Foto: Reprodução/Internet)