Afiliada do SBT leva processo por excesso de baixaria e exploração

SBT (Foto de reprodução)

SBT (Foto de reprodução)

Baixaria se resume o programa da TV Aratu, afiliada do SBT na Bahia, o “Universo Axé” está na mira da Justiça. Por conta de uma matéria que foi ao ar no fim do mês passado com uma mulher chamada Dona Solange, o Ministério Público da Bahia recebeu oito denúncias de telespectadores que se sentiram ofendidos.

No VT, Alex visitou a senhora, que além de lhe oferecer um jantar, fez questão de se apresentar para o apresentador de espartilho, deitada na sua cama e fazendo várias poses sexuais. Porém, o que teria mais chocado foi uma paródia que ela fez com a música “Fui Fiel”, do cantor Pablo. No refrão, em vez de “bom dia, meu bebê”, ela afirma que “quer f***”.

A denúncia já está na mão do Promotor, que vai decidir se acata ou não. Os telespectadores reclamam que o programa “exagerou na baixaria” e “explorou a miséria humana”.

Se acatada, o programa pode sofrer sanções, e teria que acordar alguns termos para não passar mais do ponto.
Também tentamos falar com a direção da TV Aratu, que não respondeu até o fechamento desta matéria. Porém, segundo apurações, a emissora ainda não foi notificada. Ainda procuramos o apresentador Alex Lopes, que não se pronunciou até o fim da publicação.